Public Notices

15 pages
4 views

PROJETO UESPI- JOGOS E BRINCADEIRAS

of 15
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Share
Description
PROJETO UESPI- JOGOS E BRINCADEIRAS
Transcript
  INTRODUÇÃO   Diversos autores entre eles: Vygostky (1999) ;(Friedmann, 2004,1994); (Kishimoto, 2003); e PIAGET (1998). Retratam com seriedade a importância do jogo no desenvolvimento global do individuo na infância.    Além de elementos fundamentais na formação do cidadão,os jogos tradicionais possui componentes que permitem resgatar informações culturais sobre a diversidade presente no Brasil. Essas brincadeiras deslocam-se por gerações e diferentes localidades,permitindo assim, que seu conteúdo agrupado se some e sirva como perpetuador de novas culturas para seus participantes.    Acreditamos que o brinquedo e a brincadeira são ingredientes vitais para uma infância sadia e para um aprendizado significativo, já que o brincar estimula o desenvolvimento intelectual da criança como também ensina os hábitos necessários do seu crescimento.    Assim, proporcionar as crianças momentos de convivência saudável a mesma,atribui sentido do seu mundo, se apropria de conhecimento que ajudarão agir sobre o meio em que ela se encontra, reconhecendo a cultura, resgatando brincadeiras, jogos e cantigas de roda.   Segundo (KISSHIMOTO 2003), o jogo infantil é um tipo de jogo livre, espontâneo no qual criança brinca pelo prazer de fazer. Por pertencer a categoria de experiência transmitida espontaneamente conforme motivação internas da criança, o jogo tradicional infantil tem um fim em si mesmo e preenche a necessidade de jogar da criança.   Muitos jogos tradicionais não foram escritos, no entanto, eram transmitidos dos mais idosos para as crianças através da oralidade. Tais atividades eram realizadas em espaços, amplos com diversos praticantes, que  não utilizavam qualquer tipo de tecnologia para fabricar os brinquedos ou ato de brincar.  Apesar de toda sua importância na formação e preparação do sujeito para sociedade retratada por muitos estudiosos, os jogos tradicionais infantis estão perdendo força devida os diversos fatores, entre eles: falta de espaço adequado, violência e utilização da tecnologia como meio de diversão.   PIAGET (1998) diz que a atividade lúdica, é o berço obrigatório das atividades intelectuais da criança, sendo, por isso, indispensável a prática educativa. .    A desvalorização do movimento natural e espontâneo da criança em favor do conhecimento estruturado e formalizado ignora as dimensões educativas das brincadeiras e do jogo como forma rica e poderosa de estimular a atividade construtiva da criança.   Na visão sócio-histórica de Vygotsky (1999), a brincadeira, o jogo, é uma atividade específica da infância, em que a criança recria a realidade usando sistemas simbólicos. Essa é uma atividade social, com contexto cultural e social.   O jogo, compreendido sob a ótica do brinquedo e da criatividade, deverá encontrar maior espaço para ser entendido como educação, na medida em que os professores compreendam melhor toda sua capacidade potencial de construir para com o desenvolvimento da criança.   O brincar é uma atividade espontânea e difere do jogo, pois este possui regras e limites, por isso a proposta de utilização destes recursos, deve estarde acordocomafaixa etária abordada na ocasião (Friedmann, 2004,1994).   No processo da educação infantil o papel do professor e de suma importância,pois é ele que cria os espaços, disponibiliza os materiais, participa das brincadeiras, ou seja, faz a mediação da construção do conhecimento.      OBJETIVOS      Resgatar valores, jogos, canções, danças de roda, brincadeiras de antigamente;      Socializar brincadeiras que eram realizadas no passado;       Ampliar seu circulo de brincadeiras;      Tornar as crianças mais solidaria e participativas;      Incentivar o trabalho de equipe;       Reconhecer semelhanças e diferenças da criança de hoje e de outros tempos;      Descobrir as principais manifestações folclóricas em nosso país.      METODOLOGIA   Esse estudo apresenta uma abordagem qualitativa, vista que analisa a utilização de jogos e brincadeiras no desenvolvimento integral das crianças.  Apresenta uma pesquisa bibliografia,fundamentada na reflexão de leituras de textos de autores diversos ( livro e autores ). Nesse sentido, as atividades a serem desenvolvidas são: Construção de brinquedos tradicionais.   Danças regionais. Cantigas de rodas.   Jogos e brincadeiras tradicionais.  
Related Documents
View more...
We Need Your Support
Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

Thanks to everyone for your continued support.

No, Thanks