Magazine

4 pages
22 views

Por que ter uma análise de dados obsoleta se você pode ter Big Data?

of 4
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Share
Description
Google, Linkedin, McDonald’s e eBay são somente algumas das empresas que utilizam o Big Data. A rede de fast food mais importante do planeta, McDonald’s, utiliza esse sistema para fazer o gerenciamento de todos os seus restaurantes — são mais de 34
Transcript
  Home    Blog    bi    Por que ter uma análise de dados obsoleta se você pode ter Big Data?    Por que ter uma análise de dados obsoleta se você podeter Big Data?   Postado Por Colaboradores Blog G2   Em bi , Big Data , business intelligence , cloud computing    0ComentáriosCom o acesso cada vez mais facilitado à internet e a disseminação das diversas tecnologias da informação, ter acessoaos dados dos usuários nesse meio — antes mesmo dos concorrentes —, se tornou um diferencial no mercado. Essasinformações são valiosas para as empresas, que desejam se sobressair em um cenário cada vez mais dinâmico ecompetitivo.Mas, afinal, como captar as ações diárias dos usuários? Com o Big Data! Como o próprio nome sugere, ele é umconceito de análise de dados em grande quantidade, com o intuito de otimizá-los — seja em questões como tempo, sejaem termos de quantidade de avaliação. Basicamente é o procedimento que obtém e organiza dados com o intuito deadquirir informações relevantes para a empresa.Porém, a aplicação do Big Data vai muito além da análise de dados do cliente! Ela se estende, por exemplo, ao uso deferramentas para elevar a segurança da tecnologia da informação em empresas, prevê movimentos de mercado, reduzcustos e possibilita melhores estratégias de marketing para o negócio.Por isso, o Big Data tem se tornado crucial para qualquer tipo de organização — mesmo que ainda seja um pequenonegócio. Quer se tornar um expert no assunto? Então continue sua leitura e conheça tudo sobre esse sistema! Por que o Big Data se tornou essencial para as empresas O que é o Big Data? Como já adiantamos, o Big Data é um conceito relacionado ao grande volume de dados estruturados e nãoestruturados gerados pelos usuários. Apesar de aparentemente ser um termo novo, a gestão de dados já é feita desde aexistência das tecnologias da informação.Porém, com a grande quantidade de dispositivos conectados à internet, além das mídias sociais, surgiu a necessidadede um sistema que fosse capaz de processar todos essas informações — o Big Data.Assim, o grande diferencial do Big Data é justamente o modo como ele trabalha: com o cruzamento de dados das maisdiversas fontes, para que a empresa possa obter insights de maneira rápida e eficiente, se destacando no mercadocompetitivo. Isso permite que se atenda às exigências dos consumidores de maneira mais ágil, inovando nos produtose superando expectativas.Sobretudo, trabalhar com o Big Data não envolve somente uma única fonte de dados, mas todas as formas possíveisque a empresa possui de obter informações. Logo, o segredo para o bom uso desse sistema não está relacionado únicae exclusivamente à coleta de dados, como também a todo o seu processo de análise e compilação desses, extraindotudo o que pode ser útil para o negócio. Então, por que o Big Data é tão importante para a minha empresa? Agora que você já conhece o é esse conceito, fica fácil entender a sua importância para qualquer empresa. O BigData possibilita captar informações de mercado por meio dos consumidores, extraindo todos os dados possíveis —satisfações, insatisfações e necessidades.Com a quantidade imensurável de dados gerados por empresas, aparelhos e pessoas, a Era do Big Data ultrapassasomente a captura de dados, se desdobrando em outros sistemas, como o Big Data Analytics — um software querealiza o tratamento de informações, transformando-as em conhecimentos úteis para as organizações.Antes do surgimento do Big Data, as empresas faziam a análise de dados por meio de fórmulas matemáticas etécnicas avançadas de estatística e probabilidade — elas eram executadas manualmente. O resultado era umacapacidade reduzida de variáveis, além da elevada incidência de erros, já que os procedimentos eram complexos eestavam sujeitos à imprecisão.Portanto, com o advento dos softwares de alta velocidade e capacidade, os cálculos não são mais necessários, poissão realizados pelos processadores, de maneira mais eficiente. Além disso, as informações captadas podem seranalisadas e compiladas rapidamente, de modo que se tornam uma estratégia para as empresas, e não somente maisum relatório sem utilidade.Soluções em Big Data trabalham com algoritmos altamente complexos, agregando dados das mais diversas srcens,fazendo o seu cruzamento e gerando conclusões essenciais para a tomada de decisões na organização, alémda elaboração de estratégias para ter um diferencial no mercado competitivo. Usar esse sistema é implementarmodelos analíticos que oferecem resultados expressivos.Google, Linkedin, McDonald’s e eBay são somente algumas das empresas que utilizam o Big Data. A rede de fast foodmais importante do planeta, McDonald’s, utiliza esse sistema para fazer o gerenciamento de todos os seus restaurantes 27 SET Assinar blog por e-mail Digite seu endereço de e-mail paraassinar nosso blog e receber novaspublicações por e-mail.Email * INSCREVA-SE Categorias  bi  Big Data  business intelligence  clínicas  cloud computing  colaboração  contabilidade  crise  crm  e-commerce  erp  Estoque  finanças  funcionalidade sap business one  gestão de pessoas  gestão empresarial  ibm  indicativos  Marketing  nuvem  pme  processos empresarias  produtividade  profissionalização  sap  Sem categoria  serviços  Tecnologia  termos de ti  Uncategorized  vendas Últimas Publicações Qual a solução paraseus problemas defluxo de caixa?Descubra aqui HOMEINSTITUCIONAL   SOLUES   PARCEIROSFAQE-BOOKSBLOGNOTíCIASCONTATO   Por que ter uma análise de dados obsoleta se você pode terBig Data? G2Tecnologia | SAP Business One, Consultoria SAP  Fale Conosco Fone: +55 (11) 3744-9697   Av. Giovanni Gronchi, 6195Conj 1414 – São Paulo – SP   E-mail contato@g2tecnologia.com.br                 EVO PDF Tools Demo  3. Análise prescritiva A análise prescritiva possui a mesma lógica da preditiva, porém, possui objetivos diferentes. A primeira se relacionacom as possíveis ações num futuro, de acordo com as decisões que foram tomadas. Já a segunda, como jáexplicamos, identifica tendências futuras, também se baseando nas decisões que foram tomadas.Para efeito de comparação: enquanto a análise prescritiva tem o intuito de trazer um panorama de quais produtosseriam mais desejados pelos clientes e seus impactos no montante de vendas da empresa, a análise preditiva estariafocada nas tendências do seu mercado consumidor.Usar esse tipo de análise é a melhor maneira de saber qual será a escolha mais efetiva para a empresa em determinadasituação. Além disso, ela possibilita ainda que se determine padrões e os filtre de acordo com o nicho de mercado,obtendo um público-alvo fiel para cada situação. 4. Análise diagnóstica O foco da análise diagnóstica está na relação entre as causas e consequências que são detectadas na empresa, dentrode um determinado nicho. Ou seja, ela busca compreender as possibilidades da empresa, porém, sem detalhar os dados— como ocorre na análise descritiva.Para que você compreenda melhor, vamos dar um exemplo: imagine uma empresa que execute determinada ação demarketing. Fazer esse tipo de análise é o caminho mais curto e ágil para que os impactos dessa atividade sejamavaliados, além de definir qual será o seu alcance após a realização.A análise diagnóstica funciona como um relatório expandido. Quando feita em um grande volume de dados, ela permiteainda compreender quais foram os resultados de determinada decisão, servindo também para mudanças de estratégiasque foram ineficazes ou reforçar aquelas que obtiveram resultados positivos.Logo, a análise diagnóstica funciona por meio da coleta de dados de um determinado assunto específico, cruzando asinformações para compreender como e quais os fatores influenciaram o resultado atual. A melhor maneira de utilizá-laé em conjunto com a análise preditiva, pois serve também como base para projeções futuras. Os benefícios de analisar dados com uso de Big Data Agora que você já conhece tudo sobre o Big Data, já está convencido a implementá-lo na sua empresa, não é? Se a suaresposta ainda for não, vamos citar aqui 4 benefícios desse sistema para que você não tenha mais dúvidas! 1. Custos reduzidos Todo o sistema Big Data, com seus diversos tipos de análises, possibilita uma vantagem substancial à empresa:redução de custos. Muitas empresas implementam esse sistema para que ele atue em conjunto com outros tiposde tecnologias já utilizadas, incrementando sua atuação.Como tem a capacidade de fazer a análise de dados de maneira rápida e eficiente, o Big Data auxilia também naprevenção de fraudes, de acordo com a análise do perfil de cada cliente — como já especificamos antes. Além disso,ajuda na previsão de flutuações mercadológicas e econômicas, tornando a tomada de decisões mais assertiva e oplanejamento de investimentos mais seguro. 2. Tomada de decisões mais eficiente Esse é um benefício que destacamos ao longo de todo o texto: ao fazer a análise de dados e cruzamento deinformações, o Big Data traz como resultado um embasamento concreto para a tomada de decisões, inclusive emsituações futuras.E quando falamos em tomada de decisões, não estamos tratando somente de atitudes futuras, mas também aquelasque devem ser resolvidas no presente. O Big Data possibilita que se desenvolva produtos específicos para determinadopúblico-alvo, de acordo com suas necessidades atuais, fidelizando clientes.Muitas empresas utilizam esse sistema exatamente com o intuito de melhorar sua tomada de decisão presente, paraposteriormente focar a análise de seus dados e previsões futuras de mercado. 3. Rápida análise de dados Esse é outro tema que estamos focando desde o início do texto: a capacidade que o Big Data tem de fazer uma análisede dados rapidamente — mesmo que o volume seja grande. A verificação das informações é eficiente, resultando emuma resposta em tempo significativamente menor, especialmente quando comparada a outros tipos de análises.E não para por aí: o Big Data realiza também a análise de dados não estruturados, já que é capaz de interpretarqualquer tipo de dados, mesmo que eles estejam desordenados. Isso possibilita verificar informações oriundas dediferentes fontes, aumentando a sua produtividade e estendendo a área de atuação da empresa. 4. Insights Por fim, a análise de dados do Big Data resulta em insights que são utilizados pela empresa para basear suas decisões— sejam elas futuras, sejam elas presentes. Esses insights são obtidos nas mais diversas áreas da empresa, resultandoem uma atuação conjunta com todos os setores, para que se atinja o objetivo esperado de maneira geral.Para se ter ideia da importância desse software nas empresas, o Big Data se tornou crucial para a transformação digitaldos negócios, em especial no varejo. Como as vendas dependem de um conhecimento profundo sobre cada nicho demercado, é necessário trabalhar com um sistema que tenha capacidade de fazer a análise de dados e gerarinformações que cumpram esse papel.Ao fazer a transformação do volume de dados em inteligência, a empresa pode direcionar suas ações de marketing, jáque tem total consciência das necessidades e preferência do seu público-alvo. Além disso, pode ainda agregar valor aosseus programas de fidelidade, com o entendimento do comportamento de compra do consumidor, e fazer também oacompanhamento das ações de marketing em tempo real, maximizando o ROI.Como você viu até aqui, o Big Data não é somente uma tendência tecnológica — ele já se tornou uma opção crucialpara a sobrevivência das empresas no mercado competitivo. É uma ferramenta que busca otimizar tarefas, analisandoo comportamento dos clientes e desenvolvendo bases concretas para a tomada de decisões organizacional.Gostou de conhecer mais sobre o Big Data? Se interessou por essa ferramenta? Então, entre já em contato conosco esaiba como implementá-la na sua empresa! Compartilhe isso: Você precisa fazer log in para comentar.     6   Curtir isso:  Curtir  Um blogueiro curtiu disso.  Relacionado Big data: entenda o que é, por que éimportante e como funcionaExtraindo informações: Como usar KPI,BI e Big dataSaiba como implementar Big Data nasua empresa big data    Compartilhar:        Mapa do SiteNewsletter EVO PDF Tools Demo  Somos uma empresa Partner SAP que é lídermundial no segmento de sistemas de gestãoempresarial.Av. Giovanni Gronchi, 6.195 – Conj 1414CEP: 05724-001 – São Paulo – SP   (55) 11 3744-9697   contato@g2tecnologia.com.br   www.g2tecnologia.com.brHome Quem SomosNossa História Consultoria SAPSelos e Certificações SoluçõesSAP Business One Solução SAP Health OneSolução PlanningSistema SAP paraEngenharia SAP Business All in OneSAP Business One Cloudna Nuvem IBM ParceirosBLOG NotíciasFAQ E-booksContato Suporte  Facebook   Google Plus  Twitter   LinkedIn Registre-se na nossa newsletter gratuitamentepara todas as nossas atualizações. ENVIAR   Insira seu E-mail Desenvolvido por: Agência Fluo  Marketing Digital© 2017 Todos os Direitos Reservados a G2 Tecnologia EVO PDF Tools Demo
Related Documents
View more...
We Need Your Support
Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

Thanks to everyone for your continued support.

No, Thanks
SAVE OUR EARTH

We need your sign to support Project to invent "SMART AND CONTROLLABLE REFLECTIVE BALLOONS" to cover the Sun and Save Our Earth.

More details...

Sign Now!

We are very appreciated for your Prompt Action!

x